Concursos de Tribunais: saiba tudo aqui!

Picture of Laura Amorim

Laura Amorim

principais concursos da área de tribunais

Olá, concurseiros e concurseiras de todo o Brasil!

A área de tribunais é uma das mais atraentes do mundo dos concursos públicos, e não é para menos. 

Os editais desta área geralmente oferecem centenas de vagas, com remunerações bastante atrativas, além dos diversos privilégios de que o Poder Judiciário dispõe, como recessos, rápida progressão, entre outras vantagens.

Mas quais são os concursos de tribunais? Como se preparar para eles? Confira estas e outras informações sobre esta área a partir de agora.

Quais são os concursos da área de tribunais?

Editais da área de tribunais são publicados a todo momento. Isto se deve ao fato da grande quantidade de tribunais presentes no Poder Judiciário do Brasil, como:

  • Tribunais de Justiça (TJ);
  • Tribunais Regionais Federais (TRF);
  • Tribunais Regionais do Trabalho (TRT);
  • Tribunais Regionais Eleitorais (TRE);
  • Tribunais Superiores.

Os Tribunais de Justiça estão presentes em cada um dos 26 estados, além do Distrito Federal. 

Em relação aos Tribunais Regionais Federais, há seis deles, sendo que o TRF 6 foi recém-criado. 

Por sua vez, há 24 Tribunais Regionais do Trabalho. Apesar de haver um TRT na maioria dos estados, há alguns TRTs que abrangem duas unidades federativas.

De modo similar aos TJs, há Tribunais Regionais Eleitorais em todos estados. Contudo, o próximo concurso para esses tribunais será unificado, a ser organizado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Por fim, os Tribunais Superiores são os órgãos máximos dos seus ramos de Justiça, sendo eles o Superior Tribunal de Justiça (STJ), o Superior Tribunal Militar (STM), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Tribunal Superior do Trabalho (TST). Além disso, há também o Supremo Tribunal Federal, o qual está no topo do Poder Judiciário.

Como estudar para os concursos de Tribunais?

Apesar de os concursos públicos estarem cada vez mais concorridos, aqueles que aplicam as técnicas certas aos seus estudos largam na frente na busca do tão sonhado cargo público.

Mas qual é a melhor maneira de estudar para uma prova?

Bom, primeiramente, é importante começar pelo chamado “ciclo básico”. 

Ciclo básico é o conjunto de disciplinas que são geralmente cobradas em editais de determinada área de concurso. Em outras palavras, são as matérias que estão presentes na maioria dos concursos de uma área específica. 

Dessa maneira, é possível iniciar um estudo de qualidade mesmo que o edital do concurso de sua preferência ainda não tenha sido publicado. 

Mas em relação à área de tribunais, quais são as disciplinas presentes no seu ciclo básico? 

Por meio da análise de diversos editais anteriores, podemos concluir que as disciplinas em comum à maioria desses certames são:

  • Português
  • Raciocínio-lógico Matemático
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Processual Civil
  • Direito Processual Penal
  • *TRTs: + Direito do Trabalho 
  • *TREs: + Direito Eleitoral

IMPORTANTE: É válido destacar que nem sempre as disciplinas acima são cobradas em concursos de tribunais. Contudo, por meio de uma análise de editais passados, constatamos que elas são as mais frequentes neste tipo de certame.

Assim, ao dominar o ciclo básico da área de tribunais, você já estará preparado para encarar as disciplinas específicas do seu concurso. 

Mas como realizar a melhor preparação para o ciclo básico da área de tribunais? 

Bom, os aprovados em concursos públicos são aqueles que acertam o maior número de questões. Mas, para que isso aconteça, o candidato deverá reter o maior volume de conhecimento possível durante o seu período de estudo, e é aí que entram em ação os Mapas da Lulu.

Como estudar pelos Mapas da Lulu para os concursos de tribunais?

Os Mapas da Lulu são uma importante ferramenta de revisão, pois possibilitam a retenção de uma grande quantidade de informações em pouco tempo.

Mas você deve estar se perguntando: “Como isso é possível?”

Bom, cada tópico de uma disciplina possui as suas principais informações a serem aprendidas. Dessa maneira, os Mapas da Lulu organizam cada assunto em esquemas intuitivos, com a presença dos principais conceitos, tabelas, diagramas e fórmulas mais cobrados em prova.

Dentre os conteúdos presentes nos mapas, estão os principais pontos das leis, as mais importantes jurisprudências, as fórmulas matemáticas mais cobradas, as regras de português que mais caem, as definições mais importantes, além das clássicas pegadinhas das bancas.

Assim, é possível revisar uma matéria volumosa, como Direito Constitucional, por exemplo, em um curto espaço de tempo.

Destacamos que o principal objetivo não é torná-lo um expert na disciplina, mas permitir que você possa acertar o maior número de questões necessárias para a sua aprovação, por meio do estudo dos assuntos com maior recorrência em provas de concurso.

Garantimos ainda a revisão periódica completa dos nossos materiais, para que você estude com um conteúdo totalmente atualizado.

Veja na prática como funciona o nosso material, por meio da Amostra Grátis dos Mapas da Lulu

Ficou interessado? Então aproveite o nosso Combo para Tribunais 3.0 do Mapas da Lulu. Lá você encontrará mapas completos para todas as disciplinas do ciclo básico desta área.

Não deixe de conferir!

Quais são os concursos de tribunais previstos?

Agora que você já sabe como estudar para os concursos da área de tribunais, venha conosco e confira quais são os concursos mais quentes do momento, com previsão de publicação de edital para os próximos meses, bem como aqueles que já estão abertos.

Tribunais de Justiça (TJ)

INSCRIÇÕES ABERTAS

TJ São Paulo

O concurso do TJ SP é um dos mais desejados pelos concurseiros da área de tribunais, principalmente pela quantidade de vagas que ele disponibiliza, tendo sido publicados 3 editais em menos de dois anos.

No momento, há dois editais abertos do TJSP, com a oferta de 460 vagas.

1º Edital

  • Cargo: Escrevente.
  • Remuneração: R$ 5.480,54.
  • Escolaridade: Nível Médio.
  • Vagas: 400 (Capital).
  • Provas: 28 de maio.
  • Banca: Vunesp
  • Edital

2º Edital

  • Cargo: Escrevente Técnico Judiciário.
  • Remuneração: R$ 5.480,54.
  • Escolaridade: Nível Médio.
  • Vagas: 60 (Interior).
  • Provas: 2 de julho.
  • Banca: Vunesp
  • Edital

TJ Bahia

O concurso do TJ BA teve o seu edital publicado recentemente, com a oferta de mais de 200 vagas, para quase 20 especialidades. Um concurso e tanto.

  • Cargos: Analista Judiciário e Técnico Judiciário.
  • Remuneração
    • Analista: R$6.111,82.
    • Técnico: R$ 3.725,10.
  • Escolaridade
    • Analista: Nível Superior.
    • Técnico: Nível Médio.
  • Vagas
    • Analista: 252 vagas.
    • Técnico: 25 vagas.
  • Provas: 23 de julho.
  • Banca: FCC
  • Edital

TJ Rio Grande do Norte

O concurso do TJ RN também está com o seu edital aberto. Assim como os demais, estão sendo ofertadas centenas de vagas diretas neste certame, além de um generoso cadastro de reserva, para diversas especialidades. Não perca esta chance.

  • Cargos: Analista Judiciário, Técnico Judiciário e Oficial de Justiça.
  • Remuneração
    • Analista TI: R$ 7.301,18 + R$ 1.700 de auxílio alimentação.
    • Analista demais especialidades: R$ 6.637,44 + R$ 1.700 de auxílio alimentação.
    • Oficial: R$ 6.637,44 + R$ 1.700 de auxílio alimentação.
    • Técnico: R$ 3.974,08 + R$ 1.700 de auxílio alimentação.
  • Escolaridade
    • Analista e Oficial: Nível Superior.
    • Técnico: Nível Médio.
  • Vagas
    • Analista: 67 + 352 CR.
    • Oficial: 2 + 48 CR.
    • Técnico: 160 + 288 CR. 
  • Provas
    • Analista e Oficial: 4 de junho.
    • Técnico: 11 de junho.
  • Banca: FGV
  • Edital:

CONCURSOS PREVISTOS

TJ Minas Gerais

Apesar de estar com um concurso ainda em andamento, o TJ MG planeja realizar outro certame, para o cargo de Oficial Judiciário, de nível médio, nas especialidades Oficial de Justiça e para Comissão da Infância e da Juventude. O número de vagas ainda será definido.

Este certame já possui a banca organizadora definida. Dessa maneira, um novo edital deve ser publicado em breve.

A remuneração prevista para este cargo é de R$ 3.264,98. Nada mal para um concurso de nível médio, não é mesmo?

  • Situação atual: banca definida.
  • Banca: MS Concursos.
  • Cargos e vagas: Oficial Judiciário, nas especialidades Oficial de Justiça e para Comissão da Infância e da Juventude. Quantitativo ainda a definir.
  • Último edital

TJ Rio Grande do Sul

Com a banca Vunesp já definida para a sua organização, o edital do concurso do TJ RS deve ser publicado nas próximas semanas.

As vagas serão direcionadas para a área de Tecnologia de Informação, a serem distribuídas da seguinte maneira:

  • 13 vagas para Analista de Tecnologia da Informação – Análise de Sistemas;
  • 09 vagas para Analista de Tecnologia da Informação – Análise de Suporte;
  • 04 vagas para Técnico de Tecnologia da Informação.

As remunerações iniciais variam de variam de R$ 4.995,33 a R$ 10.257,56.

  • Situação atual: banca definida.
  • Banca: Vunesp.
  • Cargos e vagas: 26 vagas, para Técnico e Analista Judiciário de TI.
  • Último edital

TJ Amapá

O concurso do TJ AP também já está com a banca definida, é a famosa FGV. Desse modo, o edital deverá ser publicado nos próximos meses.

De acordo com o projeto básico deste concurso, serão ofertadas 30 vagas imediatas, para os cargos de Técnico Judiciário e Analista Judiciário, com remunerações iniciais de R$ 5.729,54 e R$ 7.102,68, respectivamente.

  • Situação atual: banca definida.
  • Banca: FGV.
  • Cargos e vagas: 30 vagas, para Técnico e Analista Judiciário.
  • Último edital

TJ Paraíba

O TJ PB já possui uma comissão formada para a organização do seu próximo concurso. O próximo passo é a contratação da banca organizadora.

Ainda não se sabe quais cargos serão oferecidos e o quantitativo de vagas a serem ofertadas. 

Em relação às remunerações iniciais, houve um reajuste em março de 2023, sendo elas de:

  • Analista Judiciário: R$ 5.920,69.
  • Técnico Judiciário: R$ 4.538,64.
  • Oficial de Justiça: R$ 4.538,64.

Bons salários, não é mesmo?

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: a definir.
  • Último edital

TJ Sergipe

Assim como o concurso da Paraíba, o TJ SE também possui comissão organizadora formada. Além disso, o presidente do órgão sinalizou que o concurso deverá ocorrer ainda em 2023, uma vez que a banca organizadora já está sendo definida.

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: a definir. 
  • Último edital

Tribunais Regionais Federais (TRF)

Há seis Tribunais Regionais Federais no nosso país, sendo que um deles acabou de ser criado, o TRF 6.

Não há edital aberto de TRFs. Contudo, três deles estão com editais previstos. Vamos a eles.

TRF 3ª Região

O concurso do TRF 3, cuja jurisdição abrange os estados do Mato Grosso do Sul e de São Paulo, é o que possui trâmites mais adiantados, visto que já está com a banca definida, a Vunesp.

Estão previstas 23 vagas diretas, mais cadastro de reserva, para os cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário, em diversas áreas. Contudo, é muito provável que sejam nomeados uma quantidade bem maior de candidatos.

As remunerações iniciais serão de R$ 8.046,84, para Técnico, e de R$ 13.202,62, para Analista.

  • Situação atual: banca definida.
  • Banca: Vunesp.
  • Cargos e vagas: 23 vagas, para Técnico e Analista Judiciário. 
  • Último edital

TRF 2ª Região

Apesar de o TRF 2, que abrange os estados do Espírito Santo e do Rio Janeiro, ainda ter um concurso válido, até julho de 2023, já há autorização para a realização de um novo certame, o qual já conta, inclusive, com comissão formada.

As remunerações iniciais são as mesmas do TRF 3, de R$ 8.046,84 para Técnico, e de R$ 13.202,62 para Analista.

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: Técnico e Analista Judiciário. Quantitativo a definir.
  • Último edital

TRF 6ª Região

Como já citado anteriormente, o TRF 6 é o caçula dos TRFs, já que foi criado em 2021, para abranger exclusivamente o estado de Minas Gerais.

Dessa maneira, é grande a expectativa para a realização do seu primeiro concurso, o qual também já possui comissão organizadora instituída, devendo ofertar uma boa quantidade de vagas.

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: Técnico e Analista Judiciário. Quantitativo a definir.

Tribunais Regionais do Trabalho (TRT)

O ano de 2022 foi de grande alegria para os concurseiros dos TRTs, visto que houve a realização de vários concursos desses tribunais. Contudo, esta safra ainda não acabou, já que ainda temos alguns editais previstos para este ano.

TRT 12 (SC)

O TRT 12, cuja jurisdição abrange o estado de Santa Catarina, será, possivelmente, um dos próximos concursos de TRT. 

Este certame está previsto para o mês de setembro de 2023, data esta que marca o fim da validade do seu concurso anterior.

Estão previstas oportunidades para diversas áreas e especialidades.

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: Técnico e Analista Judiciário. Quantitativo a definir.
  • Último edital

TRT 11 (AM/RR)

O TRT 11, que abrange os estados do Amazonas e de Roraima, deverá lançar um novo edital até o mês de agosto, uma vez que a validade do seu último concurso se encerra em junho.

Além disso, já há uma comissão formada para este certame, que deverá ofertar vagas para Técnico e Analista Judiciário.

  • Situação atual: comissão formada.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: Técnico e Analista Judiciário. Quantitativo a definir.
  • Último edital

Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Em vez de cada TRE realizar o seu concurso, o TSE decidiu lançar um certame unificado, com edital único, que ofertará vagas para todos os TREs que solicitarem participação no concurso. 

Dessa maneira, não é difícil imaginar que haverá a oferta de uma boa quantidade de vagas neste certame.

De acordo com o Colégio de Presidentes dos TREs, a previsão é que o edital deste concurso seja publicado em agosto, com provas em outubro/novembro de 2023.

  • Situação atual: em planejamento.
  • Banca: a definir.
  • Cargos e vagas: Técnico e Analista Judiciário. Quantitativo a definir.

Quais são os principais concursos da área de Tribunais?

Como vocês puderam observar, há uma grande quantidade de oportunidades na área de tribunais, para os próximos meses. 

Porém, sempre há os concursos queridinhos, os que chamam mais atenção do concurseiro, seja pela remuneração, pela quantidade de vagas, ou por qualquer outro motivo.

Vamos apresentar, a partir de agora, os concursos mais visados pelos concurseiros da área de tribunais.

TJSP

O concurso do TJ SP é, sem dúvidas, um dos concursos que mais chamam atenção dos concurseiros da área de tribunais. 

Isso se deve ao fato, principalmente, do alto número de vagas ofertadas neste certame. Nos últimos dois anos, o TJ SP lançou 3 editais para Escrevente Judiciário, totalizando 1305 oportunidades, para nível médio.

Contudo, no quesito remuneração, o TJ PR e o TJ AM são os que possuem os maiores vencimentos básicos, em relação aos Tribunais de Justiça. Para o cargo de Técnico, o TJ PR é o top 1 atualmente, com uma remuneração de R$ 6.191,50. Já para o cargo de Analista, o TJ AM está no topo da lista, com vencimento básico de R$ 10.494,15. 

TSE

O concurso unificado do TSE também está sendo bastante aguardado pelos concurseiros de plantão, já que serão ofertadas, em um único concurso, vagas para os TREs de quase todos os estados do país.

Dessa maneira, é esperado que haja a oferta de uma grande quantidade de vagas neste certame.

TRFs e TRTs

Os concursos dos Tribunais Regionais Federais e os Tribunais Regionais do Trabalho também atraem muitos candidatos, principalmente pelas boas remunerações, como a de R$ 13.202,62 para o cargo de Analista, e a de R$ 8.046,84 para o cargo de Técnico, além da oportunidade de trabalhar em um órgão federal.

É possível notar que o cargo de Técnico do TRF possui melhor remuneração do que muitos cargos de Analista de outros tribunais.

Contudo, há alguns órgãos específicos que são ainda mais atraentes do que outros, pois geralmente oferecem uma maior quantidade de vagas.

O TRF 2, por exemplo, foi o TRF que nomeou mais candidatos aprovados em seu concurso, em relação aos últimos editais. 

Por sua vez, em relação aos tribunais do trabalho, o TRT 10 (DF/TO) foi o que teve o maior número de nomeações.

Não perca mais tempo

Pessoal, como vocês puderam perceber, a área de tribunais está repleta de oportunidades, para você conquistar o seu tão sonhado cargo público.

Contudo, os concursos estão exigindo cada vez mais dos candidatos, além da concorrência que está cada vez mais qualificada.

Dessa maneira, é de extrema importância que você se prepare da melhor maneira para esses certames que estão por vir. 

Utilize o Combo para Tribunais 3.0 dos Mapas da Lulu e alavanque o rendimento nos seus estudos. Garantimos que você não irá se arrepender do seu investimento.

Você pode encontrar no nosso Instagram @mapasdalulu mais de 2.000 depoimentos reais de concurseiros que utilizaram o nosso material e não se arrependeram. Não deixe de conferir. 

Bons estudos!

Compartilhe esse artigo

Picture of Sobre a autora

Sobre a autora

Aprovada nos concursos de Auditor Fiscal Estadual de Santa Catarina (7º Lugar), Auditor Fiscal Estadual de Goiás (23º lugar), Consultor Legislativo (4º lugar), Agente da Polícia Federal (em 2021).

Especialista em preparação para concursos públicos, técnicas de aprendizagem acelerada e estudos de alto rendimento.

Assine nossa Newsletter

Melhore seu desempenho em provas e concursos com dicas direto no seu email

Conheça nosso podcast

newsletter

Mantenha-se atualizado com
dicas direto no seu e-mail

Ao prosseguir, concordo com os Termos de Uso e reconheço que li as Políticas de Privacidade.

Contato por WhatsApp