Como Acordar Cedo em 4 Passos

Picture of Laura Amorim

Laura Amorim

Acordar cedo é uma das formas mais intuitivas de se ganhar mais tempo ao longo do dia: se começarmos nosso dia mais cedo, teremos mais horas para completarmos nossas atividades e atingirmos nossas metas de estudo.

Porém, isso não significa que essa é uma tarefa fácil. Sempre que posto no Instagram ou comento nos meus vídeos que acordo cedo, recebo muitas mensagens perguntando como eu faço para conseguir me levantar antes das seis da manhã.

Primeiramente, é preciso dizer que, ao menos pra mim, acordar cedo é MUITO diferente de simplesmente dormir pouco. Acordar cedo significa regular o seu corpo ao ritmo circadiano, de modo que você consiga priorizar e organizar melhor as suas tarefas ao longo do dia, sem comprometer a quantidade ou a qualidade do seu sono. Afinal, de nada adianta madrugar e passar o dia como um zumbi, sem conseguir render nada de tanto sono!

Dito isso, seguimos com uma conclusão natural dessa premissa: não existe milagre, nem hack – para acordar cedo, temos que, primeiro, conseguir dormir cedo (e esse é o verdadeiro desafio!). 

Cada pessoa e situação exige uma medida diferente, mas vou compartilhar com vocês os quatro passos que me ajudaram a adiantar meus horários de sono e, assim, a acordar mais cedo:

PASSO NÚMERO #1:

Desligue o computador às 20/21hs. Experimente assistir videoaulas e ler materiais no computador pela manhã ou à tarde e deixar o período noturno pra estudos no papel mesmo (revisão de mapas mentais, resumos, exercícios etc). Evite usar aparelhos eletrônicos nos momentos anteriores ao seu horário de dormir;

PASSO NÚMERO #2:

Ative o modo noturno do seu smartphone. O meu já fica configurado para fazer isso automaticamente a partir do pôr do sol. A ideia é a mesma da primeira dica: evitar o contato direto com muita luz (principalmente a azul, dos aparelhos eletrônicos). A quantidade de luz confunde o seu corpo, que passa a achar que está no período do dia e não se prepara para o momento de dormir;

PASSO NÚMERO #3:

Não consuma cafeína após às 17hs. Por mais que você sinta que ela não tem efeito em você, quando você for dormir, a qualidade do seu sono ficará, sim, comprometida. Depois desse horário, eu dou preferência a café descafeinado e chás mais relaxantes (como de melissa,  camomila e mulungu); 

PASSO NÚMERO #4:

Tente fazer atividades físicas diariamente e, de preferência, no período da manhã ou à tarde. Essa é uma escolha bem pessoal, claro! Mas, quando eu ia à academia a noite, chegava “elétrica” em casa e custava muito a dormir. Assim, se exercitando com frequência em um horário mais cedo, o seu corpo vai se preparar para descansar mais cedo também.

DICA BÔNUS:

E, para fazer todos os passos acima valerem a pena, ai vai uma dica bônus! Essa é para te ajudar a não dormir de novo quando o despertador tocar: coloque-o bem longe da sua cama. Assim, pra você desliga-lo, terá, obrigatoriamente, que se levantar. Só não vale voltar pra cama!

Conclusão:

Bom, então é isso, pessoal! Espero que essas dicas ajudem vocês a organizarem suas rotinas e a tirarem o melhor proveito possível do tempo que vocês têm. Sejam persistentes e apliquem essas mudanças aos poucos: garanto que ajudará bastante na busca por seus objetivos.

Um beijo e até a próxima!

Laura Amorim.

Compartilhe esse artigo

Picture of Sobre a autora

Sobre a autora

Aprovada nos concursos de Auditor Fiscal Estadual de Santa Catarina (7º Lugar), Auditor Fiscal Estadual de Goiás (23º lugar), Consultor Legislativo (4º lugar), Agente da Polícia Federal (em 2021).

Especialista em preparação para concursos públicos, técnicas de aprendizagem acelerada e estudos de alto rendimento.

Assine nossa Newsletter

Melhore seu desempenho em provas e concursos com dicas direto no seu email

Conheça nosso podcast

Post relacionados

newsletter

Mantenha-se atualizado com
dicas direto no seu e-mail

Ao prosseguir, concordo com os Termos de Uso e reconheço que li as Políticas de Privacidade.

Contato por WhatsApp