Usar mapas mentais dos outros funciona mesmo?

Nathan

Nathan

Muita gente, quando descobre os Mapas da Lulu, me faz essa pergunta. Então acho que vale a pena vir aqui esclarecer este ponto. Na verdade, a primeira coisa que você precisa entender é que fazer um mapa mental e utilizar um mapa mental são técnicas de estudo completamente diferentes.

Fazer seu próprio mapa mental tem várias vantagens:

  1. Melhora a memória: A criação de mapas mentais (sem ser do tipo “copia e cola”, claro) exige a ativação de diferentes áreas do cérebro, o que pode ajudar a melhorar a memória a longo prazo.
  2. Fomenta a criatividade: Criar mapas mentais exige que você pense de maneira criativa e encontre maneiras de organizar e relacionar o conteúdo, o que ajuda também na sua compreensão das informações.
  3. Melhora a concentração: Criar mapas mentais exige foco, o que pode ajudar a melhorar sua capacidade de atenção nos estudos.

Entretanto, traz também a maior e mais perigosa desvantagem: o mapa mental leva MUITO tempo para ser feito.

Todo esse tempo gasto, em uma melhor relação de custo-benefício (pensando em obter uma aprovação no menor tempo possível) seria bem melhor empregado resolvendo questões, avançando na matéria, revisando assuntos já estudados, revendo a lei seca, e por aí vai.

Agora entremos no uso de mapas mentais para o estudo.

Algumas vantagens no uso de mapas mentais (veja que não estou falando da confecção, mas da etapa que vem depois: o estudo dos mapas já prontos, feitos por você ou não):

  1. Facilita a compreensão: Os mapas te permitem visualizar o conteúdo de maneira esquematizada e ilustrada, facilitando o entendimento do material.
  2. Economiza tempo: Os mapas mentais são uma maneira rápida de revisar a matéria, explicitando de forma direta e rápida as informações que precisam ser revisadas.
  3. Otimiza o estudo por outras ferramentas: Você pode usar os mapas como base para acompanhar videoaulas (só precisando acrescentar informações pontuais), para registrar e destacar os erros cometidos nas questões…
  4. Facilita consultas rápidas
  5. Facilita a memorização daqueles tópicos que precisam ser decorados através de recursos visuais (tabelas, linhas do tempo, fluxogramas, esquemas…)
  6. Direciona seus estudos para o que mais cai em prova, te alerta sobre as principais pegadinhas e reúne literalidades importantes.

E muito mais!

Mas é aqui que muita gente peca. Nesta etapa (do uso dos mapas nos estudos), a qualidade do material é DECISIVA e indispensável para obter os benefícios acima. Por meio de um bom material, você obterá (organização do conteúdo, bom emprego dos recursos visuais, seleção das informações com base na cobrança em questões, indicação das pegadinhas e decorebas…)

Se você optou por fazer seus próprios mapas mentais, conseguirá os benefícios relacionados à sua confecção, é claro. No entanto, não necessariamente colherá os benefícios do seu uso posterior nos estudos, pois seu mapa mental pode não ser adequado.

Então, ao usar seu próprio mapa mental para revisões (em detrimento daquele feito por alguém especializado na técnica e mais experiente em concursos), você corre alguns riscos:

  1. Estudar conteúdo desnecessário ou deixar de estudar um conteúdo essencial: isso depende de você ter feito uma curadoria adequada das informações a serem colocadas no mapa.
  2. Usar recursos visuais mais pobres: se você não tem domínio sobre a técnica, é provável que não saiba quando empregar uma linha do tempo, uma tabela, um fluxograma, um quadro comparativo, e por aí vai. Então seus mapas não trarão o máximo das vantagens da técnica.
  3. Dificuldade em identificar as principais pegadinhas e pontos de atenção: talvez você ainda não tenha resolvido as milhares de questões necessárias para ter esse know how.
  4. Gastar mais tempo que o necessário com textos prolixos e não esquematizados: ser direto e assertivo em um mapa ou resumo é uma habilidade que demora a ser desenvolvida. Materiais feitos por iniciantes costumam ser muito extensos, com várias palavras ou frases “sobrando”.

E assim vai.

Portanto, acho que agora ficou claro que querer fazer os próprios mapas mentais ou resumos não está relacionado com o uso de mapas mentais prontos nos seus estudos, pois são métodos distintos e, caso deseje, podem ser complementares.

Você pode fazer seus próprios mapas se quiser obter os benefícios da sua confecção, mas lançar mão de materiais melhores e mais poderosos quando da sua aplicação nos estudos.

É aqui que entram os Mapas da Lulu.

Se você ainda não conhece, os Mapas da Lulu são o melhor equilíbrio entre um resumo e um mapa mental. Eles trazem o conteúdo e o aprofundamento encontrados no primeiro, com a organização e esquematização do segundo. É a solução para você se preparar de forma organizada, economizar tempo e ter um material de revisão de qualidade que te conduza com segurança à aprovação.

Os Mapas da Lulu já foram testados e aprovados por professores renomados, e, o mais importante, por milhares de concurseiros, pessoas que, há pouco tempo, estavam aí, onde você está, e hoje ocupam o cargo público dos sonhos.

Há aprovados para os mais diversos cargos – de Promotor de Justiça, Policial Federal, Policial Rodoviário Federal, Auditor Fiscal, Policial Militar, Professores – que foram aprovados usando os Mapas da Lulu e consideraram os mapas essenciais em suas jornadas (vide depoimentos no perfil @mapasdalulu).

Você pode conferir uma amostra gratuita dos mapas clicando aqui , ou conferir todos os combos e disciplinas que temos clicando aqui.

Te vejo na nossa área de membros!

Compartilhe esse artigo

Sobre a autora

Sobre a autora

Aprovada nos concursos de Auditor Fiscal Estadual de Santa Catarina (7º Lugar), Auditor Fiscal Estadual de Goiás (23º lugar), Consultor Legislativo (4º lugar), Agente da Polícia Federal (em 2021).

Especialista em preparação para concursos públicos, técnicas de aprendizagem acelerada e estudos de alto rendimento.

Assine nossa Newsletter

Melhore seu desempenho em provas e concursos com dicas direto no seu email

Conheça nosso podcast

newsletter

Mantenha-se atualizado com
dicas direto no seu e-mail

Ao prosseguir, concordo com os Termos de Uso e reconheço que li as Políticas de Privacidade.

Contato por WhatsApp